Londres Fashion Week: TopShop Unique

A Topshop é uma marca inglesa de high street extremamente popular e, eu diria, ícone do país – principalmente de Londres.

Se você já teve a oportunidade de visitar a cidade irá concordar comigo…as vitrines da marca representam perfeitamente o estilo das inglesas!

Andando pelas ruas é muito fácil perceber essa identidade e como as suas consumidoras adoram essa ‘coisa’ de misturar tudo em um look só. E essa arte elas dominam muito bem e ficam extremamente estilosas!

A Topshop já foi ícone de todas as adolescentes inglesas. Desde a época do high school até o college, todas (sem exceção) irão falar que o guarda-roupa era quase 100% da marca.

No entanto, como apresentado durante a fashion week primavera-verão 2016, parece que a marca quer mesmo continuar acompanhando essas mulheres por mais algumas gerações e trouxe para a passarela ‘looks com ar de crescidinho’, o que garante bastante inspiração aqui para o Escritório Digno.

topshop

Os blazers leves são perfeitos para o verão e para nos acompanhar ao escritório! Reparem que a cintura marcada com cinto ou nos detalhes de abotoamento vieram com tudo e dão forma a silhueta.

topshop2

As calças cropped e as saias lápis também entraram no repertório. Gosto bastante das camisas com um ar mais despojado e não tão certinha ao corpo – só cuidado com a quantidade de botões que irá abrir! Hehe.

topshop4

A fenda apareceu tanto nas saias como nos vestidos e dão um ar mais sexy ao look. Os tecidos de caimento leve se misturaram com texturas como o couro e a pele. Dica: invista em peças de couro ou sintético colorido para o verão, eles estarão em alta!

topshop4

E o que falar das estampas? Acho que a Topshop escolheu dois clássicos: o floral e o animal print, eles nunca saem de moda e são bem aceitos no ambiente de trabalho, até mesmo nos mais formais.

No geral, a coleção primavera-verão da Topshop não mostrou muitas novidades, mas fez com eficácia o que eles estão acostumados a fazer, que é o mix de estampas e materiais.

Também achei que foi apresentado uma coleção mais madura e elegante, que na minha opinião, está aprovadíssima! E vocês, o que acharam?

Anúncios

Já pensou em desfilar por aí com vestidos de marcas consagradas?

Qual mulher que nunca sonhou em usar um vestido de um designer famoso para uma ocasião especial?

Red-Dresses-2015-Academy-Awards-Oscars-Red-Carpet

No entanto,  muitas vezes esse sonho fica difícil de ser realizado devido ao alto preço das peças, ainda mais quando a ocasião é um casamento e você pensa – ‘porque vou investir e pagar tão caro por algo que certamente não irei usar muitas vezes?’

E isso é fato, não é sempre que podemos financeiramente atualizar o nosso guarda-roupa com roupas e sapatos de grifes. Mas, graças ao mundo que vivemos hoje em dia, realizar esse sonho de Cinderela já é possível e há muitas empresas que disponibilizam esse serviço.

Na Europa e nos Estados Unidos esse conceito é mais antigo e bastante popular. No Brasil, apesar de não ser tão novo, está se tornando mais popular,  principalmente com a rápida interação desses e-commerces e possíveis clientes no instagram.

E como funciona?

De um modo geral, você escolhe o modelo do vestido de acordo com a ocasião, seleciona o seu tamanho, a data do evento e a empresa faz a entrega (geralmente por sedex) para o local escolhido e, após o evento, você retorna o vestido na embalagem recebida.

Há ainda alguns sites que oferecem serviços de pequenas alterações como barras e de consutoria, caso você esteja na dúvida do modelo.

E quais sites fazem esse tipo de aluguel?

Dress & Go

Um dos pioneiros no Brasil, o Dress & Go oferece vestidos de consagrados nomes nacionais, como Adriana Barra, André Lima, Gloria Coelho e Huis Clos, e internacionais como Missoni e Badgley Mischka.

2nd Closet

No 2nd Closet os vestidos estão separados entre ‘novos’ e ‘2ndHand’ e além da opção de aluguel, há opções de compras também. As etiquetas variam entre designers nacionais e internacionais, como Juliana Jabour, Lolitta, Carlos Miele, Diane Von Furstenberg e D&G.

Atelier Fashion

O Atelier Fashion possui uma loja física e ainda conta com personal stylists para ajudar na hora da escolha. Eles estão localizados em Copacabana, no Rio de Janeiro.

Same No More

O Same No More nasceu com o intuito de deixar de lado a mesmice do nosso guarda-roupa. Eles possuem uma infinidade de vestidos e acessórios para compor o look completo. No site, você pode escolher entre diversos tipos de ocasiões e tem vários vestidos para baladinhas também!

Rent-to-Wear

O Rent-to-Wear é especializado no aluguel de vestidos de marcas de luxo nacionais e internacionais e tem grifes de peso como Valentino, D&G e Dior. O melhor: os preços variam entre R$ 190 E R$ 820!

E você, já alugou vestido em algum desses sites?

 

Vestidos para trabalhar: tudo o que você precisa saber para enfrentar o verão com estilo

vestidos_para_trabalhar

Escolher todo dia uma roupa para ir trabalhar nem sempre é a tarefa mais fácil, ainda mais quando o verão começa a se aproximar e o calor excessivo vira o nosso inimigo número um.

A preocupação sempre é a mesma, não morrer de calor, não passar frio com o ar congelante da empresa, vestir algo adequado com o dress code, estar confortável, etc. Aí realmente começamos aquela relação de amor e ódio com o verão…ah o verão

No entanto, as temperaturas mais altas têm lá as suas vantagens, como por exemplo, a praticidade de um belo vestido. Eles são versáteis, combinam com saltos e sapatilhas, ficam ótimos usados com blazers e cardigãs e ainda passam uma imagem profissional (claro que isso depende do modelo escolhido!).

Para não perder a classe e o estilo, basta tomar alguns cuidados básicos na hora da escolha do modelo. Então vamos lá:

Comprimento

O ideal é que o comprimento seja no joelho ou apenas meio palmo acima, afinal, estamos falando aqui de vestidos para trabalhar. Antes de comprar faça o seguinte teste: coloque o vestido e sente-se em uma cadeira, caso o vestido levante, esqueça-o – você certamente irá ficar o dia todo puxando a barra para baixo.

Tecido

Fuja de tecidos sintéticos, que não deixam o corpo respirar. Além do incômodo, você pode acabar o dia com um odor desagradável. Invista em tecidos naturais, que absorvem o suor e não irritam a pele. Basta olhar a etiqueta interna para saber a composição do tecido.

Mangas

A manga é outro fator importante. Deixe  as alcinhas para os finais de semana, no ambiente de trabalho você deve investir em modelos que não sejam de recortes cavados, assim você não correrá o risco de sair mostrando o seu sutiã por aí.

Caimento

Diga não aos vestidos muito justos, que marcam muito o corpo. Lembre-se: a sua imagem pessoal está diretamente relacionada ao julgamento profissional que te darão. Os vestidos de caimento leve (sem transparência) fluem no corpo e disfarçam a silhueta. Porém, caimentos mais encorpados são bem-vindos e adequados.

Cores

Evite as cores muito claras, como branco e tons pastel. Essas cores, além de correr o risco de revelar mais do que o esperado, mancham com facilidade. E vocês sabem, inevitável evitar o suor nos dias mais quentes!

Complemento

Mesmo que a previsão esteja prometendo 40 graus, não se esqueça de ter sempre à mão um cardigã ou um blazer. Quanto maior a temperatura lá fora, menor a temperatura interna (sim, o ar-condicionado cai pra casa dos 15!).

Para as amantes das calças, acredito que depois das vantagens e cuidados citados acima, vocês já devem estar pensando que vestidos são realmente uma boa opção…no entanto, se você ainda não consegue deixar de lado a sua calça, nesse post aqui tem mais dicas de como se vestir para trabalhar no verão.

Malas para o feriado: a minha seleção do que levar

mala_feriado

O feriado está chegando e com isso já estamos aqui pensando o que levar na mala não é mesmo? Na maior parte das cidades e praias (tirando o nosso amado Norte e Nordeste que é sempre mais quente) a previsão está de clima instável, ou seja, todas as estações em um único dia!

E aí vem aquela pergunta: o que colocar na mala que seja prático, confortável, fashion e atende ‘todas as estações’?

Primeiramente, para se otimizar espaço na mala e evitar levar bagagem extra que não será usada, o segredo é pensar no que vestir a cada dia e ter de 2 a 3 peças básicas que vão com todas as combinações.

Eu gosto de ter as partes debaixo (calças e shorts) e casaquetos como peças básicas, assim é possível transitar de um look para o outro sem levar o guarda-roupa inteiro.

Então, por exemplo: nesse feriado teremos sábado, domingo e segunda-feira para se preocupar com os looks. Nesse caso, pensamos assim – 2 looks bases para cada dia – totalizando 6 looks (ou mais)…parece bastante coisa para levar, mas selecionando as peças certas vocês vão ver que é totalmente possível se adequar ao clima, à moda e ao espaço da sua bagagem.

Então vamos ao que interessa!

Dia 1

Day 1 - holiday

No dia 1, consegui montar 3 looks diferentes usando apenas 2 peças básicas e mudando as composições. Por isso é muito importarnte planejar! Assim, você pode sair de manhã para ir à praia de shorts jeans, biquíni e regatinha e à tarde usar o mesmo shorts com uma batinha para ir almoçar ou tomar um sorvete…À noite, com a temperatura um pouco mais baixa, você pode apostar na calça boyfriend que fica linda com top cropped + gladiadora de salto.

Dia 2

Day 2 holiday

 

Já no dia 2, o shorts jeans vira peça complementar e pode ser usado à tarde com uma camisa e gladiadoras sem salto (reparem que em todas as produções usei os mesmos calçados e bolsas). Um vestido básico liso é sempre aquela peça chave que não tem erro, portanto, não esqueca de colocá-lo na mala.

E no último dia, o que usar?

Dia 3

dia 3 holiday

No último dia, com aquela correria de tem que viajar, nem sempre é possível curtir uma praia ou piscina não é? Então vamos de vestido de novo (dessa vez com rasteirinha) passear! e depois para ir embora? O conforto é essencial em viagens, portanto, o clássico jeans boyfriend com tênis fica perfeito!

Resumindo

É totalmente possível sim fazer uma mala com apenas o essencial, é só planejar cada look do dia com cuidado, pensando em peças básicas e investindo em diferentes acessórios.

Sapatos: eles ocupam lugar na mala, portando, leve apenas o necessário. Um chinelo, um par de saltos e um par de rasteiras. Se você gosta de praticar esportes ou fará uma viagem longa, acrescente o tênis!

Acessórios: 2 colares, 1 bolsa de praia e 1 bolsa versátil que pode ser usada tanto durante o dia como à noite.

Casacos: 1 cardigan liso cai bem tanto com calças, vestidos ou shorts.

Espero que tenham gostado das dicas e que elas facilitem na hora de fazer as malas. Bom feriado! =)

 

O melhor das tendências do outono/inverno europeu para usar no escritório

Estamos quase no fim do nosso inverno mas as temperaturas ainda não se estabilizaram (uma hora achamos que já estamos no verão, outra achamos que o inverno não vai acabar) e nesse ups and downs ficamos sem saber o que vestir para trabalhar, afinal, muitas vezes temos as 4 estações em um só dia não é verdade?

Por esse motivo decidi criar uma seleção com as melhores tendências do outono/inverno europeu para serem usadas por aqui agora e quando a próxima estação chegar!

E o que temos? Looks compostos por camadas, coletes, calças amplas…uma variedade para todos os gostos e estilos! Viva a moda, por ser democrática e nos permitir brincar com as tendências e ainda assim nos ajudar a passar uma imagem profissional.

O segredo é: escolha o que mais combina com o seu corpo, sua personalidade e o seu ambiente de trabalho. Se sentir confortável e adequada para a ocasião levanta a alma e não há quem não repare na sua elegância.

Minimalismo

Visto em muitos desfiles, as roupas com design minimalistas e de corte reto são perfeitas para o escritório. Essas peças adicionam elegância e simplicidade…aquele linha ‘chique sem esforço’ é perfeita e peças atemporais adicionam mil pontos no nosso armário.

minimalismo

O poder dos ombros

Os ombros exagerados caíram com tudo no gosto dos europeus. Para não fazer feio, mantenha o restante do look simples para não virar um caricato dos anos 80.

ombros

Camadas

Para manter a linha minimalista e o tom ‘profissional’ no escritório, use as camadas nos tons da mesma paleta de cores. Se investir em camadas, contenha-se no uso de acessórios e opte pelos discretos.

Aqui, em particular, peguei referências de peças que podem ser usadas nos dias mais quentes, mas individualmente podem ser usadas com outras combinações.

camadas

Calças amplas

As calças amplas já vieram com muita força em quase todos os desfiles, seja no estilo culotte (mais curtas na barra) ou longas elas são perfeitas para complementar o look sem muito esforço, pois por si só já chama atenção.

calcas_amplas

O que acharam dessas tendências?

Lembrando que todas as imagens que usei como referência são de diversas marcas e estão todas no site da Dafiti.

Trend alert: Vestido Trapézio

Embora ainda estamos nos aproximando (quase!) da primavera, hoje quero falar de uma tendência muito forte que dominou os desfiles de Outono/Inverno do hemisfério Norte…porque somos vanguardistas e estamos sempre um passo à frente, não é mesmo?

Essa tendência é o vestido trapézio, que além de ser visto em inúmeros desfiles, tem sido apontado como o queridinho de muitas celebridades e it girls mundo afora.

Os vestidos trapézios são excelentes para usar entre as mudanças de estação, ou seja, pode começar já! Eles são fáceis de combinar, ficam lindos com camisas usadas por baixo e ainda combinam com meia calça…e quando os dias mais quentes baterem na porta, pode deixar as meias e as camisas de lado e usá-los sozinhos! Tem peça mais curinga que essa para se ter no guarda-roupa?

Criados nos anos 60 pelo ilustre Yves Saint Laurent, os vestidos trapézio foram o grande sucesso, eternizados em vários editorais pela atriz e modelo Twiggy.

mondrian_vestido

O vestido mais famoso, que até hoje é usado como referência para diversas criações, é o vestido trapézio Mondrian, criado por Saint Laurent e inspirado nas pinturas de Piet Mondrian.

O ícone dos anos 60 tem um shape amigo de todas as mulheres, como a modelagem abre um pouco na região dos quadris, o vestido é ótimo para disfarçar quilinhos extras na cintura, bumbum avantajado e quadris largos.

vestido_trapezio2

Para dar um toque atual ao vestido, aposte em ankle boots ou sapatos com jeito masculino para contrastar o visual. Para a noite, também pode apostar em tecidos com brilho e texturas. Se quiser balancear a silhueta, uma boa dica é usar brincos e colares de peso, assim como o vestido é mais larguinho na barra, os acessórios atraem o olhar também para a região superior do corpo.

Na pegada esportiva, os tênis com pegada fashion vão muito bem também e dão um ar cool ao look, pode apostar sem medo!

vestido_trapezio

Como havia mencionado acima, nos dias mais frios vale apostar em camisas e blusas de manga longa por baixo – além do look ficar mais comportado para os dias no escritório, você de quebra fica aquecida!

vestido_trapezio_ideias

Os vestidos acima podem ser encontrados na ordem 1- Forum na Dafiti, 2 – Morena Rosa, 3 – Benetton na Dafiti.

Me contem, o que vocês acham dos vestidos trapézio? Vão aderir essa tendência? Eu, particularmente, amo e acho super versátil!

Inspire-se no estilo de Olivia Palermo e monte looks de arrasar

Se tem uma pessoa que parece que já acorda toda estilosa e linda, essa pessoa se chama Olivia Palermo. Sem dúvida, a socialite americana é uma das mulheres mais bem vestidas da atualidade, que constantemente estampa capas de revistas e sites de moda com seu estilo único e impecável.

Olivia Palermo é especialista na arte de misturar diferentes padronagens e estampas sem cair no mal gosto, pelo contrário, ela sabe perfeitamente como ordenar cores e criar looks incríveis. A it girl também é expert na arte de composições, criando diferentes camadas nas suas produções.

Como se tudo isso não bastasse, Olivia Palermo também domina como ninguém a arte de usar acessórios chamativos, como statement maxi-colares e afins, para dar aquele toque final em suas produções.

Não importa o dia ou a estação, Olivia Palermo sempre está um passo à frente. O seu estilo clássico, porém, criativo sempre surpreende de alguma maneira e nos faz suspirar pelo seu guarda-roupa.

Quem nunca passou horas na frente do espelho pensando ‘eu não tenho o que vestir’? – Aposto que Olivia Palerno nunca! rs e é por isso que não teria pessoa melhor para nos inspirar na hora de criar looks lindos para trabalhar.

olivia_palermo

Como o estilo da it girl é clássico, o segredo está no jeito que ela compõe seus looks. A maioria das peças ilustradas acima temos alguma parecida no nosso próprio armário, mesmo que em outra cor.

As calças culottes, que já falei aqui, estão super em alta é são excelentes para dar um up no visual e substituir as tradicionais calças sociais. Não tenha medo de abusar de acessórios chamativos, eles complementam o visual.

olivia_palermo1

Quando for misturar estampas, invistas nas padronagens e cores parecidas, assim as chances de errar chegam a quase zero. Caso você ainda não se sinta confiante para tal ato, não há problema…o segredo, como já falei acima, é no jeito de usar as peças clássicas juntas. Prestem atenção nos detalhes, por exemplo, como Olivia Palermo deixa as mangas do blazer um pouco puxadas ou a camisa branca aparecendo por baixo da malha…os toques ‘finais’ fazem uma grande diferença.

olivia_palermo2

Já para pensarmos no nosso verão que se aproxima, o branco é sempre muito bem-vindo e dá leveza nos dias quentes. Reparem que novamente as peças usadas por ela são peças clássicas e básicas, mas colocadas juntas com certo cuidado nos detalhes.

Resumindo, qualquer uma de nós pode sim ter um estilo parecido com o da super fashionista Olivia Palermo, a única coisa que precisamos é saber como combinar as peças clássicas para criar um look mais criativo e fashion. Dica: montar uma pasta no seu computador ou até mesmo no Pinterest com as fotos dela ajuda bastante na hora de compor os looks. Preste atenção nos detalhes e invista em acessórios de peso para arrematar o look!

C&A fecha mais uma parceria que será sucesso

Não é de hoje que a gigante fast-fashion engata parcerias com estilistas e celebridades para desenvolver uma coleção capsula exclusiva, sendo a mais recente com Kim Kardashian.  No entanto, semana passada a rede anunciou que a parceria da vez será com a marca paulistana Lolitta, conhecidíssima por seus tricôs e suas roupas super femininas.

A coleção está prevista para chegar em 43 lojas selecionadas da rede em todo o Brasil a partir do dia 11 de agosto e também estarão disponíveis no e-commerce da C&A.

Lolitta, estilista da marca, já nasceu respirando moda. Sua mãe, Rosana Zurita, é muito conhecida no meio por sua tradicional confecção de malhas e, consequentemente, a sua filha herdou o talento e a influência da mãe em suas próprias criações.

No entanto, Lolitta estudou e aprimorou a sua técnica em Boston, onde estudou fashion design. A sua marca é voltada para o mercado de luxo e suas peças são ricas em acabamento e refletem um estilo contemporâneo, jovem e repleto de cores.

As peças são mais exclusivas e produzidas em menores quantidades e isso, claro, reflete no preço – um vestido de tricô da marca pode custar R$3000!

Aí que vem a alegria, com a parceria da marca com a C&A podemos comprar releituras de grandes sucessos por mais ou menos 10% do preço! E a qualidade como será? Isso só saberemos quando chegar na loja, já que muitas vezes as fotos enganam.

É certo que a qualidade dos tecidos será muito menor do que os usados por Lolitta, visto que a coleção é voltada para uma rede de fast-fashion, onde o apelo é moda por preço acessível. No entanto, a essência e as característicada da marca que a faz tão desejada será transportada para a versão fast-fashion! Oba!

Como destaque da coleção estão as saias, vestidos e bodys em tricô. Muitos vestidos estruturados, coladinhos ao corpo no estilo bandagem. E vou falar, estou muito ansiosa para ver a coleção de pertinho nas lojas!

Curiosas? Vamos dar uma olhadinha no que vem por aí:

lolitta_c&a1 lolitta_c&a4

lolitta_c&a2 lolitta_c&a3

 

O que acharam? O preço varia entre R$79,90 e R$329,90 (os vestidos são as peças mais caras da coleção). Na minha opinião, a Lolitta conseguiu passar a identidade da marca para a fast-fashion e achei a coleção linda! Agora basta ver se pessoalmente será tudo isso!

Inspiração na Semana de Moda de Nova York – Inverno 2014/15

Quando termina uma semana de moda e logo começa outra é o exato momento em que eu percebo que a correria já começou e está a pleno vapor. Sinto que já aconteceu um monte de coisas e é necessário fazer um resumão para seguir em frente e não perder informação.

Segui algumas blogueiras em Nova York e agora viajo com elas para Londres, onde a Semana de Moda começa hoje. Alguns desfiles me chamaram atenção e acho que mais do que tendências ou se restringir ao que vende no Brasil, eles podem ser pura inspiração para o nosso dia-a-dia. Tem muita alfaiataria pra ficar bonita e elegante no escritório, conforto nas modelagens maximizadas e truques de estilo nas sobreposições inteligentes.

Hugo Boss

desfile-hugo-boss-nyfw-2015

A marca bem conceituada não fazia um desfile há 20 anos. Jason Wu foi lá e lembrou em cheio o caráter da grife: a mulher de negócios que alcançou o sucesso, muito obrigada. A inspiração dos ternos masculinos é óbvia no corte e na utilização da lã, mas deixou um ar poderoso e de autoridade incontestável.

Destaques para o comprimento das saias e vestidos abaixo dos joelhos e o uso de loafers no lugar do scarpin de salto. O fechamento do blazer com cinto em uma das laterais e fivela é um daqueles detalhes que a gente pode procurar nas lojas ou mandar fazer. Assim como o vestido-colete, que é uma ótima alternativa para os terninhos e os vestidos tubinho que todo mundo está cansado de ver no trabalho.

A surpresa ficou para a saia lápis, que ganhou estampa xadrez digitalizada e subiu a cintura para fazer par com o top cropped. Quem diria que a blusa curtinha poderia ir trabalhar, não é mesmo?

3.1 Phillip Lim

desfile-phillip-lim-nyfw-aw

Nessa coleção o trabalho do artista italiano Agostino Bonalumi foi transformado em estampas abstratas com blocos de cores e motivos florais. A silhueta relaxada está presente novamente nos maxitricôs, nas calças amplas e no blazer com lapelas exageradas. Até o xadrez do terno nada convencional tem clima tranquilo com suas linhas bem espaçadas. As cores pastéis dão leveza aos tons escuros da proposta de inverno.

Inspiração nos detalhes para adicionar na memória e no guarda-roupa: quero uma camisa com estampa abstrata, mas bem feminina para alegrar a vida das calças pretas; saia abaixo do joelho em tecido fluido usada com um belo tricô substitui lindamente o conjunto de saia-lápis e camisa; o jeito de deixar o tricô mais belo e marcante é ser folgadinho e ter babados.

Mas o look desejo total foi o conjunto de blazer com abotoamento duplo e a calça de alfaiataria com estampa xadrez que se complementam em cores invertidas. Talvez eles não fossem tão absurdamente elegantes se não tivessem essa proporção maximizada nos lugares certos.

Theory

desfile-theory-ny-outono-in

Olivier Theyskens acertou nas sobreposições. Não viu? Então é justamente porque elas passam despercebidas de tão leves. Talvez porque ele tenha usado transparências e tecidos molinhos por baixo dos tricôs mais pesados que serão a outra tendência da estação.

Não tem como não desejar um blazer que termina acompanhando o movimento levemente godê da saia e se confunde com um vestido ultrafeminino. Fique também pensando em como achar uma saia transparente, no melhor estilo das antigas anáguas, só para usar embaixo de alguma saia reta, cinza e que antes era totalmente sem graça. Melhor jeito de usar a alfaiataria de um jeito tão ladylike, ou usar transparência no trabalho.

terno-camisa-victoria-beckh

No mais, um look perdido ou diria escolhido a dedo, no desfile da Victoria Beckham. O blazer é esse casaco comprido de linhas retas e fluidas. Amarrado na cintura com um lacinho por dentro, ele é cheio de bossa. Daí você usa por cima de uma clássica camisa branca, mas que não tem uma gola propriamente dita, imita a continuidade da lapela do casaco… Não é nem peça desejo. É sonho de acordar e sair para trabalhar se sentindo leve, chique e elegante, totalmente sem esforço.

Blazer: do escritório para o fim de semana.

Sabe quando a gente é convidada para um café ou um churrasco no fim de semana e desanima na porta do closet porque acabou de perceber que só tem roupa para trabalhar? Certeza que todo mundo já passou por isso.

É bem irônico, pensar que na maioria das vezes a gente reclama que não tem mais roupa e só descobre que tem um monte quando precisa de um look mais informal. Constatação de quem normalmente já faz compras pensando em combinar com as roupas que já tem ou se a peça vai ser versátil. Os vestidinhos floridos, shorts curtos e saias jeans costumam ser cortados do orçamento e ficam abandonados na loja.

E é tudo que a gente lembra e quer vestir para o chá com as amigas no sábado à tarde.

Mas não se preocupe, porque dá pra adaptar o guarda-roupa de trabalho e ainda assim parecer descontraída e elegante sem esforço. Um dos segredos é o blazer. Peça nosso de todo dia e que transita muito fácil para outros eventos formais e informais. Aqui vão algumas inspirações de mulheres que sabem se vestir e vale a pena a gente observar:

Blazer com shorts

blazer-com-shorts

O blazer do terninho vai super bem se combinarmos com um short. O ar de informalidade do shortinho corta toda a seriedade do blazer e este por sua vez dá equilíbro no look. O perfeito high-low. E dá pra ver que o blazer pode ser usado com vários tipos de shorts dependendo da ocasião, né?

O short jeans fica mais jovial e cool. Ainda mais se for levemente desgastado ou de cintura alta. Mais estilo impossível. Algumas vão querer usar com scarping ou peep toe, mas reparem que fica muito melhor com sapatilhas, espadrilles ou ankle boots de salto baixinho.

Se quiser ir para o lado mais ladylike, opte pela alfaiataria ou pelo short de seda molinho, tipo pijama. Aí vale combinar com sapatilhas e saltos mais altos, pois o look total é mais elegante.

Em ambos os casos as camisetas podem ser usadas. Mas a camisa com estampa graciosa ou fofinha fica melhor com as opções mais femininas e menos contrastantes.

Blazer com tênis

blazer-com-tenis

Olha o blazer balanceando o look novamente! Dessa vez, serve para aqueles fins de semana em que a gente só quer conforto, mas não quer parecer desarrumada. Pegue o seu jeans favorito, uma camiseta simples e um par de tênis estiloso, mas de pegada macia. Só não vale o da academia…

Combinar o blazer com tênis é uma aposta no high-low novamente e mais uma oportunidade do blazer sair para passear fora do escritório. Costuma ser a escolha preferida também das celebridades para viajar, já notou? Use a criatividade e varie a calça que pode ser de couro, jeans detonado, colorido, khakis, cenoura, chinos… Inúmeras possibilidades!

Tudo bem até agora, mas se o que você queria mesmo era um visual mais alinhado e formal, a roupa clássica para trabalhar ainda é opção:

Blazer com macacão

blazer-com-macacao

Sim, o blazer pode ser sexy. O truque é aliar a peça a um macacão de tecido fluido e nobre. Arrisque um decote poderoso e feminino e a fórmula está garantida. Assim o blazer vai para coquetéis, festas, casamentos ou simplesmente um jantar mais chique com o boy.

Nessa combinação os sapatos são necessariamente de salto alto. A não ser que você seja privilegiada e abençoada com boa estatura. Aí valem sapatilhas e sandálias.

Blazer com vestido

blazer-com-vestido

Esse jeito de usar o blazer pode parecer óbvio, mas não é. Não estamos falando de usar o casaco do terninho sobre qualquer vestido.

A idéia é tornar mais sério, formal ou elegante aquele vestido que você comprou no impulso. Aquele que ao chegar em casa você se deu conta de que era ousado, muito curto ou informal demais. O blazer reduz o fator piriguete quase que instantaneamente. De quebra o look fica permanece feminino com uma pitada de moderno.

Se ainda achar o vestido muito curto, vale usar meia-calça bem fininha e transparente. Combina com salto alto, maxicolar, brilhos, estampas… O blazer sai do escritório para deixar qualquer um desses itens mais charmosos e menos óbvios.

E aí, viu como é possível se inspirar e reinventar o guarda-roupa de trabalho para desenjoar das peças de sempre? Descobri que tem muita coisa pra falar desse assunto e eles podem aparecer aqui novamente. 🙂